Torre Eiffel – visitando o ponto turístico mais famoso da cidade luz

A Torre Eiffel é o símbolo de Paris – Será que vale a pena visitar?




Esse ponto turístico da cidade é um dos mais icônicos de toda a França. E você pode se perguntar se vale a pena ir até o topo do lugar? Existem diversos tipos de preços para subir, mas acho que vale a pena. A vista de lá é incrível e é algo que vai ficar na sua memória para toda vida.

A construção de aço é muito charmosa e super fotogênica. Você pode vê-la de vários pontos da cidade, afinal é um dos pontos mais altos da cidade.

Algumas pessoas falam que existem outros pontos mais interessantes, como a Torre de Montmartre, mas a sensação de subir na Torre Eiffel é única.

É como se você fosse para Nova York e não fosse no Times Square ou talvez em Roma e não visitasse a Torre Pisa. Porém essa percepção vai de viajante a viajante. Eu, por exemplo, não fiz questão de subir na Estátua da Liberdade. Eu apenas passei perto pela barca grátis de Staten Island.

Além da Torre Eiffel, existem outros lugares incríveis para visitar em Paris – descubra aqui!

Para uma primeira viagem para a Europa, acho que o viajante tem que selecionar os locais que mais deseja visitar. Depois, quem sabe, em uma segunda visita em nos demais que não são prioridade. Então, no nosso caso, os dois pontos principais da viagem foram a Torre Eiffel e o Museu do Louvre.

Quais lugares que você elegeria como os principais para a sua viagem à Paris?
Conte para a gente nos comentários!

Conheça a história da Torre Eiffel

Há décadas a Torre Eiffel é o símbolo de Paris e da França. A construção possui 324 metros de altura e fica cerca de 15 centímetros mais alta no verão, já que o aço se dilata nessa estação do ano.

O nome dela tem origem no engenheiro Gustave Eiffel, que realizou sua construção em 1889. A estrutura surgiu de um concurso, que foi criado para comemorar o 100º aniversário da Revolução Francesa. Das 107 propostas apresentadas, a de Gustave Eiffel foi escolhida.

Mas quase que a Torre Eiffel não saiu do papel…

Alguns artistas eram contra a construção do estrutura e fizeram até uma carta contra a Torre Eiffel. Isso porque afirmavam que a torre era uma ameaça contra a natureza estética de Paris. Porém a criação foi em frente e hoje tem mais de 100 anos.

Apenas Eiffel recebeu o crédito pelo monumento que leva seu nome, mas foi um de seus funcionários, o engenheiro estrutural Maurice Koechlin, que inventou e aperfeiçoou o conceito visual da Torre Eiffel. Alguns anos antes, os dois trabalharam na Estátua da Liberdade.

Na sua inauguração, em março de 1889, Torre Eiffel tinha quase 300 metros de altura e era a estrutura mais alta do mundo. Esse marco foi mantido até a construção do Edifício Chrysler em Nova York.

No início, apenas o 2º andar da Torre Eiffel foi aberto ao público. Hoje, todos os níveis estão abertos, além do espaço para apreciar a vista de Paris, dois andares contam com restaurantes. Eles são alcançados por escadas ou por um dos oito elevadores.

Eurotrip - Torre Eiffel
Visitando Torre Eiffel | França

Curiosidades sobre a Torre Eiffel

Ingresso Torre Eiffel | Paris | França
I

A Torre Eiffel já foi amarela

Quando abriu em 1889, a Torre Eiffel ostentava uma cor marrom-avermelhada. Uma década depois, foi revestida com tinta amarela. A torre também já foi marrom-amarelada e castanha. Os pintores aplicam 60 toneladas de tinta à torre para mantê-la jovem de 7 em 7 anos.

I

A estrutura ia ser temporária

O engenheiro Gustave foi autorizado a ter a estrutura por 20 anos para recuperar seu investimento antes que a Torre passasse para as mãos do governo parisiense. Porém, o governo não tinha interesse em manter a estrutura.

Para tornar a construção útil, Eiffel ergueu uma antena no topo da torre e financiou experimentos com telegrafia sem fio que começaram em 1898. O valor da torre no envio e recebimento de mensagens sem fio, levou a cidade a renovar a concessão de Eiffel quando expirou em 1909.

Hoje, mais de 100 antenas na torre emitem transmissões de rádio e televisão em todo o mundo a partir da Torre Eiffel.

I

A torre abrigou um laboratório científico

Não é à toa que existe o nome de 72 cientistas franceses no primeiro andar e no topo da torre. Lá havia um laboratório que foi usado para estudos e experimentos como o pêndulo de Foucault. Em 1909, Eiffel instalou um túnel de vento aerodinâmico na base da torre que realizou milhares de testes, incluindo os dos aviões Wright Brothers e da Porsche.

I

Alguns aventureiros já morreram nela

Aventureiros geralmente escolhem a Torre Eiffel para manobras ousadas. Alguns deles são:

• 1912: o alfaiate francês Franz Reichelt tentou voar do primeiro andar da torre com um traje de pára-quedas carregado de mola, mas caiu no chão em vez disso.

• 1926: o aviador Leon Collot foi morto tentando pilotar seu avião sob o vão da torre quando ele se emaranhou na antena da estação de rádio e caiu em uma bola de fogo.

• 2005: o paraquedista norueguês anônimo saltou da Torre Eiffel, sem autorização e morreu.

Vista Torre Eiffel | Paris | França
Vista Torre Eiffel | Paris | França




Como chegar na Torre Eiffel

É bem tranquilo chegar na Torre Eiffel. Como estávamos no hotel Ibis Paris Tour Eiffel Cambronne, esse ponto turístico de Paris era bem próximo e dava para ir andando à pé (1,5 km ou 20 minutos).

Para ir de metrô, existem 4 estações próximas:
• Trocadéro;
• Bir-Hakeim;
• École Militaire;
• Champ de Mars Tour Eiffel.

• Metrô Trocadéro

O metrô Trocadéro é uma ótima opção para chegar a Torre Eiffel. O local é famoso por ser um dos mais interessantes para se fotografar a Torre. Muitos ensaios fotográficos são feitos neste local. Há vários restaurantes no local e o Jardim do Trocadéro, além de alguns museus como Musee de L´Homme, Palais de Chaillot, Cite de L´Arquitecture et du Patrimoine. (12 min andando para a Torre Eiffel).

• Metrô École Militaire

O que tem de interessante perto do metrô é a Unesco, que possui um restaurante com uma ótima vista para a Torre Eiffel. (15 minutos andando para a Torre Eiffel).

• Metrô Champ de Mars Tour Eiffel

Outro metrô próximo é o de Campo de Marte, uma das maiores áreas verdes de Paris. (7 minutos andando para a Torre Eiffel). O espaço possui 24,5 hectares de área e pode ser visitado de dia e de noite.

• Metrô Bir-Hakeim

O metrô de Bir-Hakeim pode ser interessante para quem quer visitar a ponte Bir-Hakeim. Ela se transformou em um patrimônio da cidade em 1986. Ficou famosa por causa do filme “A Origem” de Christopher Nolan com Leonardo DiCaprio, Ellen Page e Joseph Gordon-Levitt. (8 minutos andando para a Torre Eiffel)

Veja o vídeo abaixo da cena na Ponte Bir-Hakeim:

Preço dos ingressos para a Torre Eiffel

1) INGRESSO COM ELEVADOR PARA O SEGUNDO PISO
Adulto: 16,30 euros
Jovens (12 a 24 anos): 8,10 euros
Crianças (4 a 11 anos) e pessoas inválidas: 4,10 euros
Crianças menores de 4 anos: grátis

2) INGRESSO COM ELEVADOR PARA O TOPO
Adulto: 25,50 euros
Jovens (12 a 24 anos): 12,70 euros
Crianças (4 a 11 anos) e pessoas inválidas: 6,40 euros
Crianças menores de 4 anos: grátis

3) INGRESSO COM ACESSO ÀS ESCADAS DO SEGUNDO ANDAR
Adulto: 10,20 euros
Jovens (12 a 24 anos): 5,10 euros
Crianças (4 a 11 anos) e pessoas inválidas: 2,50 euros
Crianças menores de 4 anos: grátis

4) INGRESSOS COM ACESSO ÀS ESCADAS DO SEGUNDO ANDAR + ELEVADOR PARA O TOPO
Adulto: 19,40 euros
Jovens (12 a 24 anos): 9,70 euros
Crianças (4 a 11 anos) e pessoas inválidas: 4,90 euros
Crianças menores de 4 anos: grátis

Como foi a nossa experiência ao subir a Torre Eiffel: Vale a pena?

Tour Eiffel Paris

Ah vale muito a pena subir na Torre Eiffel. Primeiro que o símbolo mais expressivo da cidade e tem todo um resgate emocional de ver a cidade em filmes e séries. Eu acho que vale muito a pena.

Para mim foi uma sensação única subir a Torre Eiffel. Fomos de elevador mesmo porque estávamos cansados de 11 horas de viagem que fizemos. Eu sinceramente acho que, quem não precisa economizar dinheiro, pode economizar caminhadas para outros lugares.

Porque você anda muito em Paris. A gente andou até cansar e queria ver o máximo de pontos turísticos e locais em 4 dias. O pé no final da viagem pede arrego! kkkkk

Mas você pode pegar metrô também ou, se ficar mais dias, economizar com o Passe de Paris (que dá acesso a pontos turísticos e também ao transporte público).

Isso tudo depende de como será a sua viagem! É importante fazer um bom planejamento para curtir cada cantinho de Paris, de acordo com o seu estilo de viagem!

Tem gente que gosta de fazer tour gastronômico ou ir para partes mais afastadas! A viagem quem faz é você!

Tour Eiffel Paris

Existem 2 restaurantes na Torre Eiffel: 58 Tour Eiffel Restaurante e Restaurante Le Jules Verne. Saiba como são cada um deles:

1. 58 Tour Eiffel Restaurante | Paris | França

58 Tour Eiffel | Paris | França

Localizado no primeiro andar da Torre Eiffel, o 58 Tour Eiffel abre todos os dias. O restaurante possui decoração contemporânea projetada por Patrick Jouin e a cozinha aberta para que você possa ver os chefs em ação.

A vista, sem dúvidas, é lindíssima! Você poderá observar o Trocadéro, o Palais de Chaillot e a beleza da estrutura da Torre Eiffel. Tanto de noite quanto de dia, há uma paisagem maravilhosa para você observar.

O nome é 58 porque o restaurante está a 58 metros do chão. O chef do local é Thierry Marx e ele adota uma nova abordagem à culinária francesa com produtos nobres e sabores intensos.

Preço para almoçar ou jantar no 58 Tour Eiffel Restaurante:
O preço do almoço é 39 euros e 15 euros para crianças. Isso inclui entrada, prato principal, sobremesa, café e uma bebida (refrigerante, vinho e cerveja).

Já o menu do jantar tem 3 opções de valores:
“Tentation offer” – 86 euros (22 euros criança) – com um menu criado por Thierry Marx com entrada, prato principal e sobremesa.
“Plaisir offer” – 95 euros (22 euros criança) – taça de champanhe, mesa privilegiada na sala principal, menu criado pelo chef Thierry Marx com entrada, prato principal, sobremesa, vinho, água mineral e café. O vinho é escolhido pelo sommelier do restaurante, podendo ser tinto, branco ou rosé.
“Émotion offer” – 125 euros (crianças e adultos) – Mesmo menu e bebidas do anterior porém com mesa com vista para o Trocadéro.

Veja aqui o menu: jantar e almoço.

2. Restaurante Le Jules Verne | Paris | França

Le Jules Verne | Paris | França

O restaurante é comandado por Frédéric Anton, chef de três estrelas Michelin. O local oferece alta gastronomia com menu degustação que combina sabores, cores e texturas interessantes.

O restaurante fica no segundo andar da torre. Se você deseja uma experiência de alto padrão, com certeza essa é a melhor escolha. Os pratos do chef criam um diálogo com a arquitetura da própria Torre Eiffel.

Nas composições gastronômicas ele evoca as engrenagens, as porcas e parafusos e a cinzelagem da estrutura de aço de grandes dimensões da Torre Eiffel.

Preço para almoçar ou jantar no Le Jules Verne Restaurante:

ALMOÇO
Menu à la carte – 105 euros;
Menu degustação – 190 euros (5 unidades) // 230 euros (7 unidades).

Veja o menu do almoço aqui.

JANTAR
Menu degustação – 190 euros (5 unidades) // 230 euros (7 unidades).

Veja o menu do jantar aqui.

O que fazer próximo à Torre Eiffel

Aproveite o dia para visitar outros locais interessantes próximos à Torre Eiffel, segue abaixo uma lista de lugares que você pode aproveitar antes ou depois da sua visita.

Visitar o Carrossel perto da Torre Eiffel

Aproveite para visitar o Carrossel perto do local. Lá também há uma barraquinha de crepe e outras comidinhas.

Passeio pelo Rio Sena

Na Torre Eiffel saem diversos cruzeiros que navegam no Rio Sena. Assim, você pode aproveitar e pegar um deles. Alguns são Hop On Hop Off (você pode descer e subir em determinadas estações) outros são por hora e tem ainda aqueles com refeições e lanches (pizza). Bem legal!

Apreciar o Campo de Marte

O Campo de Marte é uma das maiores áreas verdes de Paris e você pode até fazer um piquenique lá! É um local ótimo para relaxar das caminhadas e fazer um lanche.

Museu do Quai Branly

O museu é chamado também de Museu das Artes e Civilizações da África, Ásia, Oceania e Américas. Inaugurado em 2006, o museu é dividido em continentes: África, Ásia, Oceania e Américas.

Endereço da Torre Eiffel

Champ de Mars, 5 Avenue Anatole France – 75007 – Paris – França

Site Oficial da Torre Eiffel

Mais Dicas de Paris?

Confira outras dicas de viagem para França

Experiências em Paris: 10 programas diferentes com o Airbnb

Experiências em Paris são formas de você aproveitar a cidade luz de uma forma genuína.

10 restaurantes para casais em Paris

Conheça 10 restaurantes incríveis em Paris! Quando se está apaixonado, a primeira cidade em mente é Paris.

Descontos Especiais para a sua Viagem

Através dos serviços abaixo você pode economizar na sua viagem. Nós do Fora de Casa ganhamos uma comissão para manter nossas dicas de viagem. Obrigado por ler nossa matéria até aqui! ✌🏼

Reserve os melhores hotéis

O Booking tem a vantagem do CANCELAMENTO GRATUITO e pagamento SEM IOF. Além disso, você pode ver comentários de outros hóspedes antes de reservar.

Hospedagem AIRBNB

Ganhe R$ 130,00 em sua PRIMEIRA hospedagem no AIRBNB! Sinta-se um nativo no local que você visitar!

Ingressos para os EUA

Comprando ingressos na WE PLANN não há cobrança de IOF e você ainda pode parcelar em 6x sem juros ou até 12x no cartão. Não enfrente filas para visitar seus pontos turísticos favoritos.

Seguro Viagem

Ganhe 5% de desconto com o cupom FORADECASA5. O Seguro Viagem é uma forma de prevenção de problemas de saúde para você durante a viagem.

Programa de Milhagens Smiles

Ganhe muitos benefícios e ganhe MILHAS cadastrando-se no Programa Smiles. Viaje de graça com as milhas. Conheça um guia sobre o assunto aqui.

Chip de Internet 3G

Um dos chips 3G de internet e telefonia com maior cobertura. Saiba com internet desde o Brasil, sem precisar comprar no exterior. A EasySim4u tem cobertura nos Estados Unidos e em mais 140 países.

Compartilhe suas Dicas e Experiências Conosco!

14 Comentários

  1. Avatar

    Ahhh muitooo obrigada pelas dicas! Ir a Paris e não conhecer a Torre Eiffel sabendo sua história é um pecado. Adorei ler seu post :*

    Responder
  2. Avatar

    Pode ser caro e pra economizar eu acho que não jantaria (apesar de ser tentador). Mas não da pra deixar de subir numa belezinha dessas, né? É um local marcante, sonho em conhecer a Torre Eifel por dentro e por fora!

    Responder
  3. Avatar

    Realmente é impossível pensar e Paris e nao pensar na Torre Eiffel! Sua história é mesmo muito interessante, como assim era para ser temporária? Já subi duas vezes e apesar de ser caro, recomendo a janta, é um passeio romantico super legal.

    Responder
  4. Avatar

    Um ícone do planeta. Não haverá ser vivo que nunca tenha ouvido falar. Já tive a oportunidade de subir e a vista é M A R A V I L H O S A… Quero voltar!

    Responder
  5. Avatar

    A torre Eiffel é definitivamente um lugar que a gente tem que ir na cidade luz! Eu já subi, foi o maior programa de índio, mas pelo menos uma vez tem que rolar. hahahaha. Adorei as dicas dos restaurantes. Deve ser maravilhoso comer lá. Essa experiência ainda não tive. Quero voltar.

    Responder
  6. Avatar

    Já subi, por duas vezes, quer de noite , quer de dia!Indescritível sensação!

    Responder
  7. Avatar

    A Torre Eiffel não pode faltar em um roteiro em Paris, adorei o post super completo e com fotos lindas.

    Responder
    • Fora de Casa

      Obrigada!

      Responder
  8. Avatar

    Pra quem está indo a Paris pela primeira vez, é realmente um daqueles passeios obrigatórios. Fora que fica numa das regiões mais bonitas da cidade (na minha opinião)

    Responder
    • Fora de Casa

      Sim, verdade! 🙂 Acho que alguns pontos são imprescindíveis para visitar!

      Responder
  9. Avatar

    Visitar a Torre Eiffel é mesmo obrigatório e incontornável. Vale tanto a pena. Até vale a pena as filas de espera! 😀

    Responder
    • Fora de Casa

      Vale a pena mesmo! Mas eu fui quando estava no final do inverno e as filas estavam mais amenas! Não sei se pegaria 2h de fila não! rsrsrsrs

      Responder
  10. Avatar

    Esse lugar é maravilhoso, não tem uma vez que não vamos para Paris e não passamos nem que seja perto da torre eiffel.

    Responder
    • Fora de Casa

      É, tem que ir mesmo! 🙂 Confesso que Paris não era meu “must see” mas quando vc chega lá, fica encantado.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Avalie esse Post